As formaturas seguiram ao longo de quatro dias, no Tupec - Fotos: Divulgação
publicidade

O Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência) da Polícia Militar concluiu nesta terça-feira (18) a agenda de cerimônias de conclusão dos cursos de formação desenvolvido no primeiro semestre deste ano, abrangendo 965 estudantes do 5º ano do ensino fundamental de 14 escolas da rede municipais de ensino.

As cerimônias ocorreram no Teatro Tupe, no Centro Cultural José Fantinatto, em quatro etapas. Nos dias 10, 11, 17 e 18.

Acompanhe o Guaçu Agora nas redes sociais: curta a página no Facebook e siga o perfil no Instagram

As crianças realizaram o juramento do Proerd, em que prometem, perante os instrutores e os pais, a ficarem longe das drogas e da violência. Os alunos com as melhores redações recebem medalhas e certificados de conclusão do programa.

O vice-prefeito, Major Marcos Tuckumantel, acompanhou a formatura dos estudantes. “O Proerd é um belíssimo programa realizado em parceria com as escolas, tanto as públicas quanto as particulares e que alegria ver essas crianças recebendo as orientações para continuarem no caminho do bem. Nosso papel também é o de orientar e levar programas como esse para nossas escolas”, comentou o vice-prefeito.

O Proerd em Mogi Guaçu é realizado pelo 26º BMP/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior) desde 1998, com o objetivo de manter os participantes longe das drogas. Desde então, o programa já formou, na cidade, 39 mil estudantes.

O programa é desenvolvido por policiais militares e conta com apoio da Secretaria Municipal de Educação. Para o segundo semestre, novos grupos estarão sendo atendidos.

No primeiro semestre foram atendidos alunos da FEG (Fundação Educacional Guaçuana); das Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) Alice de Campos Silva, Waldomiro Calmazini, Antonio Giovani Lanzi, Professor Carlos Franco de Faria, Professor Milton Franco de Faria, Professora Isaura Ana de Freitas Campos, Anira Franco de Campos, Professora Márcia Helena Martini Falsete Risola, Professor Geraldo Sorg, Professora Claudina de Oliveira Ramos e Professor Emília Vedovello Pedroso; e Emebs (Escolas Municipais de Educação Básica) Padre Estevo Fernando Laurindo e Professora Guilhermina Lopes Rodrigues.