O acusado ainda tentou fugir, mas acabou pego pelos policiais - Foto: Divulgação
publicidade

Por muito pouco, uma tentativa, felizmente, malsucedida de feminicídio não terminou em linchamento na madrugada desta sexta-feira (09), em um condomínio na Estrada Municipal Joaquim Maria de Arruda, na altura do Jardim Imperial.

O caso ocorreu por volta das 3h00, quando, segundo relatos, um desentendimento entre o casal terminou com o homem de 40 anos se apoderando de uma faca e tentado assassinar a esposa. Na sequência, ele também chegou a ferir um vizinho.

Acompanhe o Guaçu Agora nas redes sociais: curta a página no Facebook e siga o perfil no Instagram

A situação chamou a atenção de outros moradores da localidade que conseguiram desarmar o agressor e passaram a agredi-lo, que fugiu do local para evitar um linchamento.

Os próprios vizinhos acionaram a PM (Polícia Militar) que quando chegou até o condomínio foi informada que o homem ainda poderia estar pelas imediações.

Ele foi encontrado pelos policiais e apresentava diversas lesões pelo corpo. Apesar de ferido, o autor da tentativa de feminicídio ainda resistiu à prisão e chegou a empreender fuga, sendo pego alguns metros adiante.

Ele foi recebeu voz de prisão e foi encaminhado à CPJ (Central de Polícia Judiciária), onde a autoridade de plantão ratificou a prisão do mesmo, sendo indiciado por atentar contra a vida da mulher e por lesão corporal contra o vizinho.

A mulher e o rapaz esfaqueados foram socorridos pela equipe do Resgate do Corpo de Bombeiros e encaminhado para atendimento na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Santa Marta, onde receberam os cuidados necessários.

A ocorrência foi registrada pelos policiais cabos Pozzer e Robson, com apoio da equipe composta pelo sargento Braga e cabo Zerneri.