Trecho da Avenida Bandeirantes chegou a ser tomada pelas águas - Fotos: Reprodução
publicidade

Embora rápido, o temporal que caiu em Mogi Guaçu entre o final da tarde e início de noite desta segunda-feira (27) foi suficiente para causar transtornos em diversos pontos do município.

O volume d’água, apurado pela estação automática do Ciiagro (Centro Integrado de Informações Agrometeorológica) em 22,6 milímetros, num intervalo de pouco mais de uma hora fez com que alguns trechos da cidade registrassem alagamento.

Algumas vias, como o trecho da Avenida Bandeirantes que passa pela Vila Pinheiros chegaram a ser tomadas pelas águas e exigiram atenção redobrada dos motoristas.

Outro local onde foram feitos registros de água encobrindo o asfalto foi na Avenida Londrina, próximo ao Centro Esportivo Alcides Macena Maria (Pelezão), no Jardim Ypê II.

Além do volume significativo de chuvas, o vento forte também assustou algumas pessoas e pegou muita gente desprevenida. Pedestres e motociclistas precisaram procurar abrigo para se proteger.

O temporal não foi exclusividade de Mogi Guaçu neste fim de tarde. Várias outras cidades da região também tiveram a incidência de chuva volumosa e ventos.

Para os próximos dias, o cenário deverá ser o mesmo. A combinação de calor e umidade poderá provocar pancadas de chuva e ventos no final da tarde ao longo desta semana.